Chapéus

Atenção: os chapéus gaúchos presentes no catálogo podem conter variações, portanto, num mesmo anúncio, podem haver diferentes cores como também numerações. Fique a vontade para explorar e encontrar o chapéu gaúcho perfeito para você!

A tradição do chapéu gaúcho

Os modelos que deram origem ao chapéu gaúcho foram apresentados pelos portugueses, com dois tipos: chapéu de feltro, usado por pessoas que tinham posses e o chapéu de palha também chamado de abeiro, que era usado pelas pessoas mais simples. E só no final da Guerra do Paraguai em 1870 que o chapéu de aba larga tomou o formato que conhecemos hoje. Hoje, podemos encontrar modelos de chapéu gaúcho com diferentes materiais:

•Pelo de lebre, sendo o material que oferece uma maior resistência e impermeabilidade, além de aquecer;
•Lã de carneiro: também é um componente natural que apresenta ótimos benefícios como durabilidade e resistência à água;
•Palha ou fibra de algodão: às duas opções tornam o chapéu gaúcho mais leve, favorecendo a transpiração e são fáceis de usar;

Na tradicional indumentária sulista, o chapéu gaúcho não pode ficar de fora, por isso é muito usado pela população da região. Assim como o poncho gaúcho também tradicional da América do Sul feito de lã com gola alta e usada para proteger do vento e do frio, e a boina gaúcha confeccionada em lã de carneiro complementando a tradicional vestimenta. São peças fundamentais para compor o visual e que tem tudo a ver com a histórica região que segue suas características tradicionais até os dias de hoje. Confira os melhores chapéus gaúchos e vestimentas na Agro Caique.